quinta-feira, dezembro 10, 2015





















Passei pela vida
Sem nada guardar
Para lá de palavras
E do canto colorido
Das aves tingidas de
Ternura.


Manuel F. C. Almeida

2 comentários:

Crystal disse...

Vim ler-te...bateu-me a saudade. Encontrei aqui um pouco do que precisava, como sempre. obrigada

sagher disse...

Obrigado, os visitantes ja sao poucos, mas continua a ser o meu depósito, aqui e no facebook na pagina, https://www.facebook.com/Nos-meus-poemas-vive-a-liberdade-230181070482799/. beijo