sábado, novembro 11, 2006

liberdade


A liberdade quer dizer responsabilidade.
É por isso que muita gente tem medo dela.

Bernard shaw
.
Ocorreu-me esta frase no momento em que procurava em mim respostas para a o desconhecido.
Pensei numa amiga de há uns anos que dizia:
- Eu sou livre. Posso ter um gajo cada noite e não ter de acordar todos os dias com a mesma face ao meu lado. Quantas mulheres mulheres nao terão ja dito ou pensado isto?
Nunca tinha especulado sobre o tema. Inclusive era para mim uma forma de vida bastante livre e assumida. Fiz em parte, parte da história daquela mulher.
Mas olhando para trás que lhe dei eu? Algumas noites de sexo nada mais. Que me deu ela?
Algumas noites de sexo nada mais. É este nada mais, que se transformou objecto do meu pensar.
Que fazemos nós humanos quando a liberdade que dizemos ter se transforma numa forma mais que clara de não assumir a responsabilidade de dar e de receber algo de alguém, de o fazer de forma voluntária e consciente, de partilhar a vida com outro sem esperar nada mais que a medida em que damos?
Questão tão difícil de responder como difícil seria procurar reduzir a espécie humana a um estereótipo. Eu mesmo durante anos segui essa prática sem me debruçar muito sobre ela. É verdade que na maior parte das vezes findo o momento, ficava comigo e embora estivesse acompanhado continuava só. Hoje pergunto-me, quando assim era será que eu estava mais triste ou mais feliz. Que fiz eu da minha liberdade quando a usei como arma contra outros?
Esta pergunta começa a perseguir-me como se fosse a derradeira etapa nas minhas questões sobre a vida. Seremos nós ainda humanos, ou clones com medo da responsabilidade de ser humanos.
Será a nossa liberdade uma coisa vazia ou implica acima de tudo respeito pelos outros e por nós mesmos? e acima de tudo será esta a liberdade de "ser" ou apenas a forma mais facil para nao olharmos para dentro de nós?

2 comentários:

sandra disse...

amigo este texto que escreveste nao me parece ser inocente. muito pelo contrario soa-me mais a uma mensagem. se por um lado será um grito emrelação a ti mesmo e no que mudou em ti, por outro lado parece-me que é também um grande recado

Anónimo disse...

um beijo doce barbie